Cidade de luzes apagadas

Você anda em círculos

porque não sabe aonde ir:

É quase ridículo ver você aí.

A luz do dia já nasceu

mas sua vista ainda é escura

não consegue encontrar o que procura.

O pior cego é aquele que não quer ver

mas talvez a culpa não esteja só em você.

Vivemos em uma cidade de luzes apagadas,

ninguém sente nada

a não ser solidão

E nessa vida isolada, queda livre sem parada,

não faz sentido compaixão.

Todos são só imagens sem original

em constante repetição

Pra qualquer mudança

O ponto de partida é o ponto de interrogação.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s