Analisando: Avenged Sevenfold

Feliz ano novo, caros leitores! Não, você não leu errado. O ano começa oficialmente hoje e, pra quebrar definitivamente esse clima de samba e folia, trago hoje um “Analisando” um pouco mais pesado, com uma canção de uma banda de metal alternativo, formada em 1999 na Califórnia e que, recentemente, perdeu o carismático baterista Jimmy “The Rev”, o Avenged Sevenfold.

A música que eu escolhi chama-se “Afterlife” , foi composta por The Rev, e pertence ao álbum “Avenged Sevenfold” do ano de 2007. Confesso que é muito difícil analisar as letras de músicas de metal, mas tentei fazer meu melhor nesse texto. Abaixo segue a letra e a minha interpretação da música.

Afterlife

(Composição: The Reverend Tholomew Plague)

Like walking into a dream
So unlike what you’ve seen
So unsure but it seems
‘Cause we’ve been waiting for you

Fallen into this place
Just giving you a small taste
Of your afterlife here so stay
You’ll be back here soon anyway

I see a distant light
But girl this can’t be right
Such a surreal place to see so how did this come to be
Arrived too early

And when I think of all the places I just don’t belong
I’ve come to grips with life and realize this is going too far

I don’t belong here
We gotta move on dear
Escape from this afterlife
‘Cause this time I’m right
To move on and on
Far away from here

A place of hope and no pain
Perfect skies with no rain
Can leave this place but refrain
‘Cause we’ve been waiting for you

Fallen into this place
Just giving you a small taste
Of your afterlife here so stay
You’ll be back here soon anyway

This peace on earth’s not right
(With my back against the wall)
No pain or sign of time
(I’m much too young to fall)
So out of place don’t wanna stay
I feel wrong and that’s my sign
I’ve made up my mind

Gave me your hand but realize I just wanna say goodbye
Please understand I have to leave and carry on my own life

I don’t belong here
I gotta move on dear
Escape from this afterlife
‘Cause this time I’m right
To move on and on
Far away from here
Got nothing against you and surely I’ll miss you
This place full of peace and light
And I’d hope you might
Take me back inside when the time is right

Loved ones back home all crying ‘cause they’re already missing me
I pray by the grace of God that there’s somebody listening
Give me a chance to be that person I wanna be
(I am unbroken, I’m choking on this ecstasy)
Oh Lord I’ll try so hard but you gotta let go of me
(Unbreak me, unchain me, I need another chance to live)

I don’t belong here
I gotta move on dear
Escape from this afterlife
‘Cause this time I’m right to move on and on
Far away from here
Got nothing against you
And surely I’ll miss you
This place full of peace and light
And I’d hope you might
Take me back inside
When the time is right

A música nos fala sobre separação, vida e morte de uma forma bastante subjetiva e complexa. Podemos interpretar os primeiros versos da canção como sendo o eu lírico tentando passar a sensação da morte;

Like walking into a dream ( Como andando para dentro de um sonho)

So unlike what you’ve seen( Tão diferente do que você já viu )

So unsure but it seems ( Tão incerto, mas parece)

‘Cause we’ve been waiting for you ( Por que nós temos esperado por você )

Podemos entender esses versos como sendo a sensação da passagem do nosso mundo para um outro mundo desconhecido onde outras pessoas têm esperado por ele, certamente os mortos.

Vemos depois que o eu lírico não morreu, mas está próximo da morte, tentando resistir, por algum motivo, e os mortos esperam por ele, pois não lhe sobra muito tempo e a morte é inevitável (“You’ll be back here soon anyway” //Você vai estar de volta aqui de qualquer maneira).

Fallen into this place (Caídos neste lugar)

Just giving you a small taste (Apenas dando para você uma amostra)

Of your afterlife here so stay (Da sua pós-vida aqui então fique,)

You’ll be back here soon anyway (Você vai estar de volta aqui de qualquer maneira)

Continuamos com a construção de uma imagem de uma atmosfera de morte na próxima estrofe onde temos “I see a distant light” ( Eu vejo uma luz distante). E vemos novamente que o eu lírico não quer ir para o pós-vida do título da música, pois ele diz

But girl this can’t be right ( Mas garota isso não pode estar certo )

Such a surreal place to see so how did this come to be ( Um lugar tão surreal para se ver, então como isso veio acontecer )

Arrived too early ( Chegou muito cedo )

Ele diz que ainda não é a hora da sua passagem, pois afirma ser muito cedo para ele ir para o lugar surreal do pós-vida. Depois, podemos perceber que ele começa a se desesperar, olhando para os lugares que fazem parte do pós-vida e tem um momemnto de desespero, agarrando-se à vida a qualquer custo.

And when I think of all the places I just don’t belong ( E quando eu penso de todos os lugares aos quais eu não pertenço )

I’ve come to grips with life and realize this is going too far ( Eu me agarro à vida e percebo que isso está indo longe demais )

No refrão, vemos ele se justificando com sua querida por não querer permanecer no pós-vida e também a sua falta de opção quanto a isso.

I don’t belong here ( Eu não pertenço aqui )
We gotta move on dear ( Nós precisamos ir embora daqui querida )
Escape from this afterlife ( Escapar desta pós-vida )
‘Cause this time I’m right ( Porque desta vez estou prestes )
To move on and on ( A me mudar )
Far away from here ( Para longe daqui )

Depois, os mortos voltam a dialogar com o eu lírico da canção, tentando persuadi-lo a parar de resistir e permanecer no pós-vida.

A place of hope and no pain ( Um lugar de esperança e sem dor )
Perfect skies with no rain
( Céus perfeitos sem chuva )
Can leave this place but refrain ( Pode deixar este lugar mas espere )
‘Cause we’ve been waiting for you
( Porque nós temos esperado por você )

Então o eu lírico responde aos mortos falando que acha muito estranha a sensação de estar naquele lugar, não se sente bem no pós-vida e ainda tem muito a fazer em vida.

This peace on earth’s not right ( Essa paz na Terra não está certa )

(With my back against the wall) (Com as minhas costas contra a parede)

No pain or sign of time ( Sem dor ou sinal do tempo )

(I’m much too young to fall) (Eu sou muito novo para cair)

So out of place don’t wanna stay (Tão fora de lugar não quero ficar,)

I feel wrong and that’s my sign ( Sinto algo errado e esta é meu sinal )

I’ve made up my mind ( Eu cheguei à uma conclusão )

Ainda nesses versos, podemos perceber que ele acaba cedendo a pressão dos mortos ( With my back against the wall ) e então muda de opinião e depois começa a se despedir de sua querida nos versos seguintes

Gave me your hand but realize I just wanna say goodbye ( Me dê sua mão mas perceba que eu só quero dizer adeus )

Please understand I have to leave and carry on my own life ( Por favor entenda eu tenho que partir e seguir com minha própria vida )

E, na segunda vez que o refrão é cantado, vemos que ele já está no pós-vida, então é acrescentado um tom de tristeza à despedida

Got nothing against you and surely I’ll miss you ( Nada contra você e certamente eu sentirei sua falta )

This place full of peace and light ( Deste lugar cheio de paz e luz )

And I’d hope you might ( E eu espero que você, talvez, )

Take me back inside when the time is right ( Me traga de volta quando for a hora certa)

Nos dois últimos versos dessa estrofe, vemos que ele espera que sua querida continue vivendo para que ela posa reencontrá-lo quando chegar sua hora de ir para o pós-vida.

Depois é confirmada a idéia de que o eu lírico está morto pois vemos na bridge que segue esses versos:

Loved ones back home all crying ‘cause they’re already missing me ( Entes queridos voltam pra casa chorando por que eles já sentem a minha falta )

Então, já no pós-vida, ele começa a pedir desesperadamente a Deus uma chance para voltar, pois vê que há pessoas sofrendo por ele termorrido.

I pray by the grace of God that there’s somebody listening ( Eu rezo pra graça de Deus que tenha alguém ouvindo )

Give me a chance to be that person I wanna be ( Me dê uma chance de ser a pessoa que eu quero ser )

Vemos o porquê dele não estar se sentindo bem, mesmo tento ido para o decanso eterno; ele não foi uma boa pessoas em vida, podemos reparar isso nos seguintes versos:

Oh Lord I’ll try so hard but you gotta let go of me ( Oh Senhor eu tentarei duramente mas Você precisa me deixar ir )

(Unbreak me, unchain me, I need another chance to live) ( Me conserte, me liberte, eu preciso de uma nova chance para viver)

E, por esse mesmo motivo, ele continua sofrendo no pós-vida, somente repetindo incessantemente, junto aos mortos, e esperando que sua querida o ouça, o porquê de não querer permanecer no lugar do pós-vida.

I don’t belong here ( Eu não pertenço aqui )
I gotta move on dear ( Eu preciso ir embora querida )
Escape from this afterlife ( Escapar desta pós-vida )
‘Cause this time I’m right to move on and on
( Porque desta vez estou prestes a me mudar )
Far away from here ( Para longe daqui )
Got nothing against you ( Não tenho nada contra você )
And surely I’ll miss you ( E certamente eu sentirei sua falta )
This place full of peace and light (Deste lugar cheio de paz e luz )
And I’d hope you might ( E eu espero que você, talvez, )
Take me back inside ( Me traga de volta )
When the time is right ( Quando for a hora certa )

Abaixo, segue o vídeo-clipe oficial da música. Um trabalho de imagem muito bem feito e a sensação de mudança de ambientes com o jogo de câmeras, durante as passagens da canção tem tudo a ver com a idéia que eu acredito que o The Rev teve ao escrever essa canção.

Essa foi minha interpreteção da música. Um trabalho árduo com certeza, mas, como eu já disse em posts anteriores, vocês têm toda a liberdade de concordar ou não com essa interpretação. Qualquer idéia que vocês queiram me dar sobre esse texto pode ser dita nos comentários. Usem esse espaço que é todo seu.

Forte abraço a todos e até um próximo texto.

Anúncios

Um comentário sobre “Analisando: Avenged Sevenfold

  1. jorge disse:

    bom acho que vc deveria usar a musica msm ao inves do clipe que e cortado kkkkkkkkk
    boa analize pensando assim me da a impressao que ele sabia que ia morrer
    mas isso no e o assunto do post
    xD
    abr continue assim kkkkkkkk

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s